Salmo:119.165;

Salmo:119.165; Grande paz têm os que amam a lei de Deus; para eles não há tropeço.

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Desejo de Ver a Jesus (Leitura Nortuna, de C.H.Spurgeon)


17 de Abril  “Queríamos ver a Jesus.” (Jo 12:21 ARC1995) O clamor da pessoa mundana é sempre “Quem nos mostrará o bem?” Ela procura satisfação nas comodidades, prazeres e riquezas terrestres. Mas o pecador transformado conhece só um bem. “Ah! Se eu soubesse que O poderia achar!?” Quando o pecador está realmente desperto para sentir o seu pecado, se tu lhe derramasses a seus pés o ouro da Índia, ele diria: “Tira-o. Eu quero achá-Lo a Ele.” O levar os desejos a um ponto central, de sorte que estes se concentrem num objeto, é uma bênção. Quando o homem tem cinquenta desejos, o seu coração parece-se com um lago de águas estagnadas, postas num pântano, as quais produzem miasma e pestilência. Mas, quando todos os seus desejos são levados a um canal, o seu coração transforma-se num rio de águas puras que correm rapidamente para fertilizar os campos. Feliz é aquele que só tem um desejo, se este está posto em Cristo, se bem que possivelmente ele ainda não tenha sido realizado. Que Jesus seja o desejo da alma é um bom sinal da obra divina interior. Tal pessoa nunca estará satisfeita com meras cerimónias. Ela dirá: “Eu necessito de Cristo, eu tenho de O ter; meras cerimónias não me servirão para nada. Eu necessito-O, a Ele mesmo. Não me ofereçais, pois, essas coisas. Vós ofereceis-me o cântaro vazio, enquanto eu estou morrendo de sede. Dai-me água ou eu morro. Jesus é o desejo de minha alma. Eu queria ver Jesus!” É esta, leitor, a tua condição, neste momento? Tu tens somente um desejo em teu coração, e esse é o de conhecer Jesus? Então, não tu estás longe do reino de Deus! Tu tens somente um desejo em teu coração e esse é o de ser lavado de todos os teus pecados no sangue de Jesus? Podes dizer realmente: Queria dar tudo o que tenho para ser Cristão, queria renunciar a tudo que tenho e a tudo que espero, se somente eu pudesse sentir que tenho uma parte em Cristo? Então, apesar de todos os teus temores, anime-te; o Senhor ama-te e tu logo sairás para a luz do dia e te regozijarás na liberdade por meio da qual Cristo torna os homens livres. FONTE: C. H. Spurgeon – “Leituras Vespertinas” Tradução de Carlos António da Rocha No Caminho de Jesus

Nenhum comentário:

Postar um comentário